Villas-Boas enaltece Conceição e critica Pinto da Costa: “Zero retorno”

André Villas-Boas, candidato à presidência do FC Porto, viajou até ao Algarve, esta quinta-feira, no âmbito da sua campanha, acabando por enaltecer o trabalho de Sérgio Conceição, entre algumas críticas ao trabalho feito pela direção liderada por Pinto da Costa.

Contratações? Tudo está relacionado com maus investimentos e também perda de rigor orçamental. Nós, apenas em alguns jogadores como o Mbemba, o Uribe, o Herrera, o Marcano, o Corona, o Taremi e o Brahimi, estamos a falar de investimentos de 55 milhões de euros que tiveram zero retorno”, começou por dizer, em declarações citadas no jornal O Jogo.

“Ganhámos três títulos, rompemos, sim senhora, com o pentacampeonato do Benfica, que era muito, muito, muito importante. Um momento histórico desde a chegada do Sérgio Conceição, um treinador que com a sua sagacidade e amor pelo FC Porto tem mantido e criado equipas competitivas que nos permitem lutar por títulos e estar sempre na Liga dos Campeões”, atirou de seguida.

“[Sérgio Conceição] Tem sido um grande obreiro destes resultados. O problema é que o declínio financeiro do FC Porto é cada vez mais evidente”, completou.

Recorde-se que André Villas-Boas concorre com Pinto da Costa (no cargo há 42 anos) e Nuno Lobo pela presidência do FC Porto, em eleições agendadas para o próximo dia 27 de abril.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *