Sérgio Conceição liga em direto para o Canal 11 e deu nisto

Num momento de grande emoção e sinceridade, Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, fez questão de prestar homenagem a Ricardo Nunes, ex-guarda-redes que orientou na Académica, e que recentemente anunciou o fim da sua carreira e a sua candidatura à presidência do Varzim. A homenagem ocorreu durante uma intervenção em direto no Canal 11, na noite desta terça-feira, num gesto que, segundo o próprio Conceição, estava atrasado devido a circunstâncias pessoais.

Ricardo Nunes, que encerrou a sua trajetória como jogador no último domingo, foi surpreendido com a chamada de Conceição enquanto fazia uma retrospetiva da sua carreira no programa do Canal 11. O treinador do FC Porto não poupou elogios ao profissionalismo e caráter de Nunes, destacando a sua excelência tanto no campo quanto fora dele. “O Ricardo foi um profissional de excelência. E como o homem, que está sempre relacionado com o profissional, ele é de alto gabarito“, afirmou Conceição.

Apesar de ter planeado enviar um abraço ao seu ex-guarda-redes logo após o jogo com o Lourosa, Conceição explicou que “a azia” sentida após a derrota do FC Porto diante do V. Guimarães naquele momento impediu-o de fazê-lo. Aproveitando a oportunidade da ligação ao vivo, o treinador enviou um caloroso abraço a Nunes, expressando total confiança no sucesso do ex-jogador na sua nova empreitada como presidente do Varzim.

“Vi o jogo com o Lourosa e tinha nos meus apontamentos para lhe mandar um abraço no final do jogo com o Vitória, mas depois não pude por causa da azia que tive. Aproveito agora para lhe mandar esse abraço. Vai ter sucesso de certeza no que aí vem, pela capacidade intelectual que tem, pela sua perspicácia, por toda a experiência no balneário“, referiu

Conceição enalteceu a inteligência, perspicácia e experiência de Nunes, sublinhando a capacidade deste de superar desafios tanto na vida profissional quanto pessoal.

“Vai formar uma equipa forte para ter sucesso no Varzim, não tenho dúvida nenhuma“, assegurou, destacando a transição do ex-guarda-redes para um papel de liderança fora das quatro linhas.

“Acabou de jogar há dois dias e formar equipas para liderar um clube não é fácil, não é de um dia para o outro. Vamos dar tempo para o Ricardo demonstrar tudo aquilo que ele é: um vencedor na vida profissional e na vida pessoal. Passou por momentos mais complicados, mas que soube ultrapassar. Sou um admirador confesso. Fez uma época extraordinária na Académica, apesar de todas as duras que lhe dei“, acrescentou.

Terminando a sua intervenção com um pedido de desculpas pelo atraso na homenagem, Sérgio Conceição reiterou a sua admiração por Ricardo Nunes, não apenas como jogador, mas também como pessoa. Esta demonstração de respeito e camaradagem entre dois nomes proeminentes do futebol português serve como lembrete do impacto que um profissional pode ter, tanto dentro quanto fora do campo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *