Sérgio Conceição irónico arrasa Nico na flash-interview e deixa jornalista a falar sozinho

O FC Porto perdeu por 3-2 contra o Arouca e Sérgio Conceição não estava com cara de poucos amigos. Após responder à primeira pergunta, onde arrasou Nico por uma falha que teve, o treinador dos dragões deixou a flash-interview quando o jornalista estava a formular a segunda pergunta.

“Acontece um bocadinho de tudo no jogo. Falta de treinador, falta de discernimento. Uma entrada onde nos primeiros segundos sofremos um golo, empatámos, entre esse golo e o penálti do Pepe, houve algum desperdício, é o treinador que não percebe nada disto. No início do segundo tempo, depois de uma ou outra situação em que podíamos ter concluído com outro discernimento, tivemos também algum desacerto. Aqui, também é o treinador que não esteve bem naquilo que foi o equilíbrio defensivo da equipa. Iniciámos o segundo tempo, com uma situação com o Nico, em que é difícil acertar no guarda-redes. Tenho de treinar mais com ele. O treinador também tem culpa nisso também. O 3-1 foi um excelente golo, o Arouca tem boas individualidades. Expusemo-nos de uma forma que não é normal, uma vez mais culpa minha em não precaver os jogadores. Enfim, um jogo em que houve mérito a defender do Arouca e pouco mérito do treinador do FC Porto em montar a estratégia para vencer o jogo”, disse, antes de deixar o jornalista a falar sozinho.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *