Sérgio Conceição: “Há coragem para expulsar o Pepe, não há para o Di María, o Hjulmand…”

Os cartões e as faltas: “Há uma equipa que faz 23 faltas, tem 5 ou 6 amarelos, alguns até por discussão. Nós temos seis faltas, um vermelho e dois amarelos. Já se perde um bocadinho… a sensação que tenho é que se começa a perder a alegria e a paixão pelo futebol. Há muita coisa negativa. A começar pelo que não fizemos e devíamos ter feito. Mas depois tem sido uma constante, sempre que nos queremos aproximar da frente…”

A expulsão de Pepe e o dérbi de Lisboa: “Vi uma equipa a perder no dérbi, o chamado dérbi eterno, e nós podíamos aproximar-nos do segundo lugar. Mas desta forma está muito difícil. Mas vão ter de levar connosco até ao final, a lutar como podemos lutar. Dentro destas ausências, que parece que vai ser usual nós termos. Há coragem para expulsar o Pepe, há coragem e provavelmente foi bem expulso. Não há coragem para expulsar um jogador do Benfica, o Di María, para expulsar o Hjulmand. Para uns há coragem, para outros não há. É isto o futebol português”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *