Roger Schmidt apontado a colosso alemão e adeptos do Benfica não perdoam

Roger Schmidt continua a ser mencionado como possível treinador de grandes clubes europeus. Agora, vários jornais alemães colocam-no na lista do Bayern Munique, que atravessa tempos difíceis e com a saída de Thomas Tuchel. Para os alemães, há vários motivos que fortalecem a possibilidade de o treinador do Benfica, comparado até a Hansi Flick, regressar ao seu país natal.

A imprensa alemã destaca a tendência do Bayern em recrutar profissionais da Red Bull. Desde que Christoph Freund assumiu como diretor desportivo do Bayern, vários funcionários provenientes do RB Salzburgo têm reforçado o clube, como Richard Kitzbichler e René Maric, responsáveis por alguns departamentos. Os alemães acreditam que Roger Schmidt poderá integrar esta linha. O técnico passou duas temporadas em Salzburgo (2012/13 e 2013/14), conquistando um campeonato e uma Taça da Áustria.

Com 56 anos, Schmidt é reconhecido como um treinador muito competente no desenvolvimento de jovens jogadores, destacando-se não apenas em Salzburgo, mas também em Paderborn, Leverkusen e agora no Benfica. Schmidt consegue superar a desvantagem da sua equipa em termos de valor de mercado em relação à concorrência. O estilo de jogo de Schmidt lembra os tempos de Hansi Flick no Bayern Munique, com uma abordagem de jogo rápida, atlética, ofensiva e agressiva, destacando-se pela pressão alta, risco ao jogar com a bola e foco na contra-pressão quando a bola é perdida.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *