Pinto da Costa ignora acusação de AVB: “Passa pela cabeça de alguém?”

Pinto da Costa respondeu, esta terça-feira, a André Villas-Boas, candidato à presidência do FC Porto, que acusou “um vice-presidente da lista de Pinto da Costa”, de maltratar Lourenço Pinto, presidente da Mesa da Assembleia Geral dos azuis e brancos.

Numa sessão de esclarecimento com sócios azuis e brancos na Arrifana, Pinto da Costa foi questionado sobre o assunto e desvalorizou a questão.

“Naturalmente pode haver alguma discussão mais exaltada. Mas passa pela cabeça de alguém que alguém que faz parte da minha lista fosse tratar mal o doutor Lourenço Pinto, meu presidente da Assembleia Geral. Mas isso cabe na cabeça de alguém? Agora é evidente que dizem tanta coisa, tanta coisa, que é que eu lhe diga?”, atirou Pinto da Costa.

Na mesma sessão, João Rafael Koehler, candidato à SAD portista, deixou uma resposta mais incisiva contra Villas-Boas.

“Era uma reunião privada e intuíamos que ia tornar-se publica e iria para a comunicação social. O candidato André Villas-Boas não esteve presente na reunião e depois faz sempre de ventríloquo de pessoas que lá vão e lhe contam a história errada. Dei a minha concordância à proposta da mesa relativamente à votação. Portanto, é mais um não assunto. Ele tem uma obsessão quase doentia em relação a mim e, então em relação ao presidente, pior ainda, de nos criticar permanentemente. Mas não faz qualquer sentido”, atirou o empresário.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *