Oficial: Benfica terá adeptos em Marselha e (re)abre a Luz aos franceses

Volte face de última hora. Afinal, os jogos de ambas as mãos dos quartos de final da Liga Europa, entre Benfica e Marseille, vão contar com a presença de adeptos visitantes nas bancadas, graças a um acordo alcançado entre todas as partes envolvidas.

O receio de eventuais casos de violência, no Orange Vélodrome, na próxima quinta-feira, dia 18 abril, recorde-se, levou as autoridades francesas a vetar a presença de adeptos dos encarnados. Em resposta, a direção liderada por Rui Costa fez o mesmo, anulando os bilhetes já vendidos ao adversário.

No entanto, após uma ronda de negociações, a administração interna gaulesa optou por levantar a interdição, pelo que as águias fizeram o mesmo, através de um comunicado emitido na tarde desta quinta-feira, o que significa que o jogo da primeira mão, agendado para as 20h00 (hora de Portugal Continental), terá adeptos rivais na Luz.

Eis o comunicado na íntegra:

“O Sport Lisboa e Benfica saúda a decisão das autoridades francesas de reverter a sua anterior medida e autorizar os adeptos do Benfica a marcarem presença na 2.ª mão dos quartos de final da Liga Europa.
O objetivo do Sport Lisboa e Benfica, em todos os momentos, foi sempre o de salvaguardar os direitos dos seus adeptos e poder contar com o seu imprescindível apoio à equipa no Estádio Velódrome.

Em face da autorização da presença de adeptos do Benfica em Marselha, também os adeptos do Marselha estão autorizados a marcar presença no jogo desta 1.ª mão dos quartos de final da Liga Europa, passando a ser válidos os ingressos por eles adquiridos.

Benfica, Marselha e UEFA estiveram em contacto e em sintonia, desde o primeiro momento, por forma a encontrar uma solução que melhor defendesse o futebol.

O Sport Lisboa e Benfica sublinha ainda o compromisso e a competência da polícia portuguesa no acompanhamento de todo este processo e manifesta um especial agradecimento às autoridades portuguesas.

O Sport Lisboa e Benfica congratula-se com este desfecho, que vai ao encontro do espírito e da essência do desporto. O futebol sem adeptos não é futebol”

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *