Juiz se recusa a julgar Fernando Madureira pela ‘Operação Pretoriano’ e há explicação fora do normal

Fernando Madureira, também conhecido por ‘Macaco’, foi detido juntamente com outros 11 arguidos no final de janeiro, em resultado da ‘Operação Pretoriano’. A juíza responsável pelo recurso para decidir o destino de Madureira recusou tratar do caso devido ao envolvimento do seu filho na defesa de Fernando Saul, coautor de ‘Macaco’ no ataque à assembleia-geral do FC Porto.

O Ministério Público alega que ‘Macaco’ planeou as agressões na assembleia para silenciar os apoiantes de André Villas-Boas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *