João Moutinho quebrou o silêncio sobre o interesse do FC Porto e a opção pelo Sporting de Braga

João Moutinho deu uma entrevista à Sport TV, que foi divulgada nesta sexta-feira, na qual abordou não apenas o sonho de regressar à seleção nacional, mas também foi confrontado com a possibilidade que teve de se juntar ao FC Porto no verão passado, antes de ser oficializado como reforço do Sporting de Braga.

“Fui contactado primeiro pelo Sporting de Braga e pelo presidente António Salvador. Claro que ter sido o primeiro é algo a que damos mais valor. É sinal que nos querem mesmo e depois na decisão tudo isso conta. É sempre importante saber a vontade do presidente e quanto nos querem trazer para o clube”, começou por dizer.

“Falámos e ele demonstrou essa vontade de me ter no Braga para poder elevar ainda mais o nível, se o conseguisse. Quando temos essa demonstração de vontade e ambição, a porta abre-se de imediato. FC Porto? Cada um toma as suas decisões. Eu tomei a minha e estou de consciência tranquila com aquilo que fiz. Foi o que quis. Do resto, não posso falar. As decisões são tomadas por quem tem o poder. Eu tomei a minha e voltaria a tomá-la porque estou muito feliz aqui”, continuou.

“Não guardo rancor de ninguém. São decisões que foram tomadas, não há muito mais a falar sobre isso. Acho que as coisas devem ser resolvidas falando-se. Isso é o mais importante, sendo diretos e não por intermediários. Valorizo que se fale e tome decisões. A partir do momento em que tomei a minha decisão, não havia volta a dar e a decisão foi vir para o Braga”, concluiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *