Globe Soccer Awards não premeiam Rúben Amorim, Bernardo Silva, Sporting e João Neves

Ailha italiana de Sardenha recebeu, na tarde de terça-feira, a ‘Edição Europa’ da prestigiada cerimónia dos Globe Soccer Awards, mas nem tudo correu bem aos portugueses que estavam na corrida por prémios.

Comecemos pelo melhor futebolista masculino. Kylian Mbappé, melhor marcador da Liga francesa e que está a caminho do Real Madrid, recebeu esta distinção e suplantou. Bernardo Silva, que era um dos nomeados.

Na categoria de melhor equipa masculina, o campeão nacional Sporting também estava entre os nomeados, mas acabou por perder a distinção para os ingleses do Manchester City.

João Neves, do Benfica, era um dos candidatos ao prémio de estrela emergente, mas o médio português foi suplantando por Lamine Yamal, do Barcelona. Por fim, Rúben Amorim perdeu o prémio de melhor treinador para Xabi Alonso.

Na cerimónia esteve presente o presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), que enalteceu as nomeações dos três portugueses e do clube lisboeta.

“É a marca do talento português no futebol europeu e mundial. Têm sido recorrentes estas nossas presenças institucionais, é bom sinal, um sinal de afirmação do futebol português e do talento que vamos produzindo ano após ano”, manifestou o também presidente da Associação de Ligas Europeias, citado pela assessoria da LPFP.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *