Ex-Benfica acusado de promover ‘motim’ no Nice: “A sua natureza voltou”

Tendo tido um início de temporada quase perfeito, o Nice vive uma grande crise há várias semanas. Na Côte d’Azur, chovem críticas sobre os Aiglons, nomeadamente sobre a união no balneário. O Nice tem 43 pontos, estando no quinto lugar, e está em risco de não apurar-se para as competições europeias.

Várias declarações públicas apontam o dedo a alguns jogadores que deixaram de ter interesse no clube. Khephren Thuram é, por vezes, criticado pela sua indiferença, mas Jean-Clair Todibo, ex-jogador do Benfica, é acusado de ser a ‘maça podre’ da equipa.

Daniel Riolo analisou: “A crise centra-se principalmente em Todibo. Conhecemos a mentalidade de Todibo há muito tempo. Ele teve uns bons seis meses, então a sua natureza voltou. Ele não é uma pessoa muito boa no balneário, já sabíamos disso antes. A crise está mesmo em torno dele e dos seus amigos, que têm conquistas enormes, que já não fazem nada, já não se esforçam”, disse o jornalista.

O próprio treinador Francesco Farioli confirmou que “algo está errado nas cabeças, é difícil explicar de outra forma”, depois do último jogo. Apoiado por uma franja de adeptos e alguns seguidores do clube, o treinador transalpino pode contar com o apoio do seu capitão Dante que fez uma declaração ácida contra alguns dos seus companheiros aos microfones da Prime Video:

“Acho que é muito fácil culpar o treinador. Mais uma vez, está a colocar-se alguns jogadores a um nível muito alto. Esses jogadores de altíssimo nível devem ajudar o treinador. Estou do lado dos jogadores, por isso assumo esta responsabilidade”, disse o brasileiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *