Escolha do árbitro para a final da Taça de Portugal dá que falar

Fábio Veríssimo vai arbitrar pela primeira vez a final da Taça de Portugal, no domingo, no embate que opõe FC Porto, vencedor das duas últimas edições, ao Sporting, campeão nacional, anunciou hoje a Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Este vai ser o sétimo jogo entre equipas ‘grandes’ de Veríssimo, que, na final da 84.ª edição da Taça de Portugal, marcada para domingo, às 17:15, no Estádio Nacional, em Oeiras, vai ser coadjuvado pelos árbitros assistentes Pedro Martins e Hugo Marques. João Pinheiro vai estar no videoárbitro, com o auxilio de Fábio Melo e Luciano Maia, enquanto André Narciso vai ser o quarto árbitro.

O árbitro da associação de Leiria, de 41 anos e internacional desde 2015, vai dirigir pela segunda vez um clássico entre ‘dragões’ e ‘leões’, depois de ter estado na vitória dos ‘azuis e brancos’, por 2-1, no campeonato de 2018/19.

No clássico da última jornada de 2018/19, no qual a vitória do FC Porto foi insuficiente para revalidar o título de campeão – arrecadado pelo Benfica, de Bruno Lage –, com golos dos ‘dragões’ Danilo e Héctor Herrera, anulando a vantagem alcançada pelo ‘leão’ Luiz Phellype.

Os dois rivais terminaram o jogo com 10 jogadores, fruto das expulsões de Borja, do lado lisboeta, aos 19 minutos, e de Jesus Corona, dos portuenses, aos 90.

Além deste jogo, Veríssimo dirigiu ainda a vitória do Sporting no dérbi frente ao Benfica, na primeira mão das meias-finais da Taça, em que os comandados de Rúben Amorim se adiantaram por Pedro Gonçalves e Viktor Gyökeres, aos nove e 54 minutos, tendo o Benfica reduzido, por Aursnes, aos 68, antes anular um golo de Di María.

O Benfica venceu os outros dois dérbis arbitrados por Veríssimo, por 2-0, no recinto dos ‘leões’, na edição 2021/22 da I Liga, com golos de Darwin Nuñez e Gil Dias, e por 2-1, em casa das ‘águias’, na última jornada no campeonato de 2019/20, retirando o pódio aos ‘verde e brancos’, com tentos de Seferovic e Carlos Vinícius, para os ‘encarnados’, e de Sporar, para os ‘verde e brancos’.

Dos ‘seus’ clássicos entre FC Porto e Benfica saldou-se um triunfo para cada um dos rivais.

O mais recente foi o triunfo por 3-0 dos ‘dragões’, graças a dois golos de Evanilson e um de Vitinha, ainda na primeira hora do jogo nos oitavos de final da Taça de 2021/22, que os anfitriões ‘azuis e brancos’ viriam a conquistar frente ao Tondela (3-1).

A estreia em clássicos remonta a 07 de outubro de 2018, quando dirigiu a vitória do Benfica na receção ao FC Porto, para o campeonato, por 1-0, selado com um golo de Seferovic.

O FC Porto procura a sua 20.ª Taça de Portugal, a terceira seguida e o único título da presente temporada, frente ao Sporting, que aspira à sua sétima ‘dobradinha’ com o 18.º troféu na prova ‘rainha’.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *