De loucos – Sporting prepara renovação e aumento da cláusula de Quaresma

O Sporting está em processo de assegurar o futuro de uma das suas joias da coroa, Eduardo Quaresma, com planos para renovar o contrato do jovem defesa central que tem brilhado na presente temporada. O clube de Alvalade reconhece o valor e o potencial do jogador, procurando agora ‘blindá-lo’ contra o interesse de clubes rivais, aumentando a sua cláusula de rescisão.

Segundo o jornal A Bola, a proposta do Sporting inclui a extensão do contrato de Quaresma por mais três anos, além do vínculo atual que se estende até 2025. Este novo acordo visa não apenas segurar o jogador por um período mais longo, mas também elevar a sua cláusula de rescisão de 45 para 60 milhões de euros, uma medida que reflete a confiança do clube no seu talento e contribuição para a equipa.

Eduardo Quaresma regressou de um empréstimo ao Hoffenheim esta temporada e não demorou a se afirmar como uma peça fundamental no xadrez tático de Rúben Amorim, tirando partido das ausências forçadas de colegas como St. Juste e Coates. O seu desempenho no clássico contra o FC Porto, que terminou com uma vitória por 2-0 para os leões, foi particularmente elogiado, marcando um ponto de viragem na sua consolidação como uma das principais opções defensivas do treinador.

O Sporting, focado nos objetivos desportivos da temporada, entre os quais se incluem a luta pelo título de campeão nacional e a conquista da Taça de Portugal, planeia concluir o processo de renovação no final da temporada. Esta decisão visa evitar distrações que possam afetar o desempenho da equipa nas competições em que ainda se encontra envolvida.

A renovação de Eduardo Quaresma é vista como uma aposta no futuro por parte da direção do Sporting, sinalizando a intenção de continuar a desenvolver e a valorizar o talento formado no clube. A gestão da carreira do jovem defesa central, aos cuidados do clube de Alvalade, demonstra o compromisso em manter uma base sólida e competitiva, capaz de enfrentar os desafios futuros tanto a nível nacional como europeu.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *