“Amorim errou ao ter o discurso do cansaço, eu não o teria expressado publicamente”

Amorim está obrigado a fazer gestão e a pensar na Liga mas é desavisado “arranjar desculpas aos jogadores”.

O técnico do Sporting assumiu após os últimos jogos que vários atletas estão fatigados e com “falta de frescura”. Antigo treinador-adjunto dos leões diz que é preciso lidar com isso.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *