A reação drástica do Sporting contra o ataque de Luís Gonçalves, Diretor Geral de Futebol do FC Porto

O Sporting confirmou que procederá com uma queixa disciplinar junto ao Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol contra Luís Gonçalves, administrador do FC Porto, por alegados atos de agressão e ameaças durante o recente confronto entre as duas equipas no Estádio do Dragão.

De acordo com informações obtidas pelo jornal Record, os incidentes ocorreram nas proximidades da tribuna presidencial após o término do jogo entre FC Porto e Sporting, que acabou empatado a dois golos. Segundo relatos, um grupo de aproximadamente 20 pessoas associadas ao FC Porto abordou diretamente alguns membros da direção do Sporting, desencadeando um confronto verbal que rapidamente escalou.

Luís Gonçalves é acusado de ter agredido fisicamente Alexandre Ferreira, membro do Conselho Diretivo do Sporting, com um pontapé, além de ter empurrado e ameaçado de morte outro dirigente do clube, Rodrigo Pais de Almeida. Estes eventos foram presenciados por várias figuras notáveis, incluindo Rui Caeiro, diretor-executivo do clube, e Pedro Proença, presidente da Liga.

Este incidente acrescenta mais um capítulo à já tensa relação entre os dois gigantes do futebol português, destacando a crescente hostilidade que tem marcado os encontros entre FC Porto e Sporting nos últimos tempo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *