A reação assustadora de Roger Schmidt aos assobios na Luz a Kokçu

Roger Schmidt, técnico do Benfica, abordou duas questões pertinentes na sequência da vitória por 1-0 sobre o Chaves, numa partida válida pela 27.ª jornada da I Liga. Primeiro, comentou as declarações recentes de Grimaldo, antigo jogador do Benfica que transferiu-se para a Bundesliga, enfatizando uma postura de respeito e apreço pela contribuição do jogador ao clube durante os anos em que vestiu a camisola encarnada.

Schmidt referiu-se a Grimaldo como uma “velha história”, indicando que, apesar de não ter visto a entrevista que desencadeou comentários, respeita a decisão do jogador e reconhece o impacto positivo da sua última temporada no clube.

“Respeito a decisão dele, sei que está a ter grande época na Alemanha, mas sei que esteve seis ou sete anos no Benfica, não sei bem. A mais positiva foi a última. Mas não vou dizer nada de negativo“, afirmou Schmidt, sublinhando uma mensagem de continuidade no apoio ao jogador, apesar da sua partida.

Quanto a Orkun Kökçü, cujo retorno à competição foi marcado por reações mistas dos adeptos, incluindo assobios, Schmidt destacou a importância de focar no positivo e no comprometimento do jogador com o clube. Reconhecendo que nem todos ficaram satisfeitos com declarações anteriores do jogador, Schmidt enfatizou a necessidade de superar o conflito e valorizar o empenho de Kökçü no projeto do Benfica.

“Esqueceu-se dos que aplaudiram. Esperávamos o regresso dele, já tínhamos falado disso. Nem todos estamos satisfeitos com a entrevista, é claro, mas no final o mais importante é o Benfica. Não vale a pena criar ruído negativo“, expressou o treinador, destacando a dedicação de Kökçü e a sua integração na equipa como elementos chave para ultrapassar quaisquer desentendimentos com a torcida.

Schmidt concluiu reiterando a sua confiança tanto nas habilidades futebolísticas quanto no caráter de Kökçü, projetando um futuro promissor para o jogador no seio do clube. Estas declarações refletem o desejo do técnico em manter um ambiente positivo e focado no coletivo, essencial para enfrentar os desafios da temporada.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *